segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

O protetor


O protetor
Alexis Morgan
         São muitos os opostos que governam o fluxo e vazante de nossas vidas: à noite e o dia, o inverno e o verão, a juventude e a velhice... Ao longo da história, homens e mulheres se acomodaram ao curso natural das coisas. Mas também sabemos que, quando as ambiciosas garras da escuridão se estendem para a resplandecente beleza da luz, aparecem as sombras.
         No mais fundo da Terra, nosso mundo compartilha uma fronteira com outro mundo, um mundo cheio de escuridão e maldade. Seus pálidos habitantes cobiçam a luz que o homem dá por suposta. Uma frágil barreira mantém separados aos dois mundos, mas, quando as placas continentais se desagradem ou um vulcão entra em erupção, a barreira se desmorona. Então os Outros a atravessam, com a escuridão que lhes é própria, e polui tudo o que tocam.
 Como em tempos remotos, os Paladinos permanecem alerta para fazer que os Outros retornem a seu lugar de origem e a escuridão volte aonde pertence. Estes cavalheiros são os defensores da luz e lutam por nós no magro limite da escuridão. Esta é sua história.




Nenhum comentário:

Postar um comentário